TERRA MILENAR

A paisagem de Baião é hoje o resultado da forma distinta como o homem ocupou e transformou o território ao longo de milhares de anos, resultando numa paisagem de grande valor cultural, com um forte legado patrimonial. A ocupação mais antiga deste território concentra-se nos planaltos centrais das serras da Aboboreira e do Castelo e remonta à pré-história recente que se estende por um longo período cronológico de quatro mil anos (V ao I milénio A.C.) e inclui diferentes vestígios conhecidos graças ao projeto de investigação do Campo Arqueológico da Serra da Aboboreira.



A ocupação da região mantém-se ao longo do período medieval, destacando-se o morro do Castelo de Matos. Marca forte na paisagem e da identidade de Baião pois foi o local escolhido pelo senhor deste território para a construção do...

Durante a ocupação romana deste território as populações habitavam já preferencialmente nas vertentes e nos vales dos principais cursos de água, com destaque naturalmente para os de Ovil e Douro. Aí encontram-se vestígios de percursos...

Dos primeiros vestígios de ocupação humana deste território, destacam-se as sepulturas com mamoa, pela sua quantidade, diversidade e visibilidade, marcando ainda hoje a paisagem cénica da Aboboreira....